>Esparregado de favas

>

A fátima do blog as comidas da preta, perguntou-me se favas e vagem é a mesma coisa e depois de ver que há uma certa dificuldade em as amigas brasileiras entenderem certos termos que se usam por cá resolvi colocar duas fotografias para explicar a diferença.

Esta é a vagem que no feijão é muito utilizado em sopa e noutras coisas, na fava não tenho conhecimento que seja muito utilizada por cá.

O grão da fava ao contrário é amplamente utilizado em pratos, bastante tipicos por cá.

Em casa da minha mãe as vagens sempre foram bastante utilizadas para esparregado, mas tem que se utilizar do tamanho que mostro aqui, ainda pequenas, quando ainda não têm grão e o interior é bastante esponjoso e a vagem ainda não é dura.

Para fazer o esparregado, como a minha mãe faz é preciso cortar as vagens como se fosse para sopa, bem fininho e levar a cozer.

Depois pica-se bastante alho e leva-se a dourar em azeite.

Junta-se as favas cozidas e mal escorridas, bastante vinagre e uma colher de sopa de farinha e mexe-se bem até a farinha estar cozinhada.

É optimo para acompanhar diversos pratos de carne peixe, arroz, batatas ou massa e para quando se quer uma coisa mais ligeira serve perfeitamente de prato principal com uma carne ou peixe grelhado só.

Anúncios

11 comments

  1. >Eu adoro aproveitamentos. Por hábito ninguém costuma comer a vagem da fava, mas quando é tenra e nova, é boa. Já a cozinhei juntamente com as favas e gostei.Esta ideia do esparregado é 5 estrelas. Obrigada Alcina. Beijokas e bom fim de semana.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s