artesviagensesabores

>Olha o belo figuinho

Posted on: Setembro 1, 2010

>Se há fruta que eu adoro, uma delas são os figos, parece-me que seria capaz de comer um cabaz inteiro, de tanto que gosto deles.

Este ano posso dizer que já comi bem a minha parte, comecei bem cedo com os figos gigantes de pele arroxeada e agora continuo com os pingo de mel.

Os primeiros vieram lá da serra de um tio que tem Figueiras gigantes que produzem kilos e kilos, os ultimos tenho comido de uma figueira da comunidade que encontrei no outro dia quando passeava pelo meu bairro a pé e agora lá da minha quintinha, onde tenho uma figueirinha pequenina mas que este ano já vai dar bastantes.

Os da quinta estão tão docinhos, que até ficamos com as mãos todas meladas só de os apanhar e para vêr como estão docinhos, olha só quem anda a comer neles, e eu que pensava serem só os passarinhos!!!

E se não nos despachamos ficamos sem nada, porque os danados deixam só a casca pendurada na árvore

Assim como já matei o desejo de os comer ao natural, com pão, com queijo  e sei lá com mais quê….
já fiz três frasquinhos de doce

1kg de figos de pele arroxeada
500gr de açúcar amarelo
1 pau de canela
1 chávena de nozes picadas

Parti os figos de modo grosseiro e deixei parte da pele, retirei apenas o pé mais grosso, a ponta do outro lado e alguns pedaços já meio estragados.

Juntei o açúcar amarelo e o pau de canela.

Tudo ao lume a ferver em lume brando durante o tempo necessário para ganhar uma certa consistência que para mim está no ponto, quando eu levanto a colher de pau e deixo pingar até o ultimo pingo demorar a cair formando um pingo grosso que deixa um rasto não de fio mas mais grosso.

No fim junto as nozes picadas de modo grosseiro e envolvo tudo, as nozes podem ser mais, porque ficam deliciosas no meio do doce, eu meti uma chávena, porque tive preguiça de partir mais.

Em cima de umas rodelinhas de queijo chevre e uma fatia de broa de milho fica um verdadeiro manjar.
E o meu quinteirinho a espreitá-los por entre as folhas e a apanhar verdes e maduros também é do melhor que há

5 Respostas to ">Olha o belo figuinho"

>Nem me das nada, ao apanhar figos espetei o dedo num que tinha uma grande vespa lá dentro e com a aflição já me estava a ver a cair da árvore he he Já fiz compota também e é uma delícia🙂

>E esse sorrisinho maroto na última foto?Olhe, o queijo e a broa de milho já tenho. Só me falta a compota de figos!Bjs.

>Que maldade….e eu ainda nem os provei.Quando ia de férias à minha Terra, escolhia sempre os que já estavam picados. Como eram deliciosos…Beijo

>Adoro figos, mas infelizmente tenho de os comprar. Ainda me lembro quando era criança e os tinha de borla.Ontem aqui na feira comprei a uma senhora que vende produtos caseiros, 1 Kg e devorei 1/2Kg num instante. Gostei deste doce, acho que vou experimentar fazer.

>Alcina, A-DO-RO figos e também eu seria capaz de comer um cabaz cheio… Quando consigo alguns, tenho de me controlar para não os comer todos de seguida.Quanto ao doce, cá fica registado, ainda que seja difícil de arranjar o fruto.Um beijinhoRomicas(p.s. Continua a achar linda a música de fundo…)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


  • margarida fialho: em vez de manteiga no bolo ponha a mesma quantidade em azeite ,e as medidas das especiarias é de colher de café
  • Margarida Correia: fiz mesmo agóra ficou muinto bom agradeçida lhe fico
  • alcinamc: A primeira imagem é na serra da estrela, como todas as outras, a primeira fica algures quando se desce da torre para a lagoa comprida (Sabugueiro), m
%d bloggers like this: